Entrevistas

Entrevista com Júlia Rónai do Theatro Municipal RJ

Julia Ronai_destaque

Já falei aqui o quanto adorei fazer o tour guiado pelo Theatro Municipal e o quanto é um passeio imperdível pra quem quer conhecer o centro do Rio e se interessa pela história da cidade. E, se tiver disposição, vale dar um pulo nos vizinhos: Museu Nacional de Belas Artes, Biblioteca Nacional e o Palácio Pedro Ernesto. Hoje vocês vão poder conhecer um pouquinho mais do trabalho da Júlia Rónai - coordenadora de mídias sociais e fotógrafa oficial do Theatro Municipal – numa entrevista feita pela amiga Sabrina Serafim, com colaboração da fotógrafa Lívia Borret.

Theatro Municipal RJ_blog a cara do rio

O Theatro Municipal é um lugar cheio de memória e que já recebeu grandes artistas internacionais e importantes nomes da cultura brasileira, incluindo representantes da dança, música, ópera e artes cênicas. Durante a visita da Sabrina, ela aproveitou a chance e bateu um papo com a Júlia, que contou sobre o seu trabalho e o “seu” Rio de Janeiro.

EM FOCO: Júlia Rónai Porto Nunes
IDADE: 29
PROFISSÃO: Teórica do Teatro, Fotógrafa
ONDE NASCEU: Rio de Janeiro, Santa Teresa

Julia Ronai_1

Foto: Lívia Borret 

Formada em Estética e Teoria do Teatro pela Unirio, ela viu que não seguiria carreira acadêmica quando começou a trabalhar como assistente de produção do Compositor Sérgio Roberto de Oliveira. Ele, produtor da A Casa Estúdio e do selo A Casa Discos. Paralelamente, iniciava o trabalho de fotógrafa clicando a própria mãe – Laura Rónai, renomada flautista e diretora da Orquestra Barroca da UNIRIO – e a cravista Rosana Lanzelotte para o material de divulgação da Sala Eva Klabin. Depois do primeiro ensaio, não parou mais.

O Lago dos Cisnes - bailarina Mel Oliveira

Foto: Júlia Rónai – O Lago dos Cisnes – bailarina Mel Oliveira

O Lago dos Cisnes- primeiros bailarinos Márcia Jaqueline e Moacir Emanoel

Foto: Júlia Rónai - O Lago dos Cisnes- primeiros bailarinos Márcia Jaqueline e Moacir Emanoel

Ópera As Bodas de Fígaro - Carla Cottini e Douglas Hann

Foto: Júlia Rónai – Ópera As Bodas de Fígaro – Carla Cottini e Douglas Hann

Como produtora e fotógrafa, já trabalhou para a Sala Cecília Meireles, O Grupo Mosaicos até chegar ao Theatro Municipal.

106 anos do Theatro - escola de dança Maria Olenewa

Foto: Júlia Rónai – 106 anos do Theatro – escola de dança Maria Olenewa

Óperal Don Pasquale-Luciano Botelho

Foto: Júlia Rónai – Óperal Don Pasquale-Luciano Botelho

Júlia acredita que a sua formação em Teoria do Teatro lhe dá uma vantagem muito grande como fotógrafa. Ela explica que para fotografar um espetáculo, você precisa estar atenta ao momento mais importante da cena, para potencializar, em uma imagem, a mensagem que o diretor quer passar em uma ópera, concerto ou ballet. Ela diz que teve influência do pai, que foi o primeiro a presenteá-la com uma câmera fotográfica, aos 11 anos de idade.

Suas fotos e vídeos vão além do acervo memória do Theatro Municipal, eles são usados nas mídias sociais oficiais e já foram publicados em grandes veículos, como Jornal O Globo, Veja Rio, Portal UOL, entre outros.

Maestro Tobias

Foto: Júlia Rónai – maestro titular da orquestra sinfônica da casa, Tobias Volkmann

Ópera Don Quixote- Gregory Heinhart e Eduardo Amir

Foto: Júlia Rónai – Ópera Don Quixote- Gregory Heinhart e Eduardo Amir

Para saber mais e conhecer o belíssimo trabalho da Júlia, basta acessar o site: www.juliaronai.com

Julia Ronai_2

Foto: Lívia Borret

E agora vamos às curiosidades dessa carioca que ama o nosso Rio de Janeiro…

Se você fosse um lugar no Rio de Janeiro, qual você seria? Botafogo, polo cultural vasto e democrático.

Uma música que seja a cara da cidade ou que te faça lembrar do Rio quando está fora daqui? Todas as músicas do Chico Buarque.

O melhor do Rio? A diversidade.

Uma personalidade carioca? Chiquinha Gonzaga.

O dia ou a noite? Noite.

MPB, samba ou funk? Samba.

O que é A CARA DO RIO pra você? O Theatro Municipal.

Um lugar no Rio para…

Fugir? Minha casa, com os meus gatos.
Fazer compras? Shopping Rio Sul.
Comer bem? Nam Thai, no Leblon.
Se divertir? Carnaval de Rua.
Descansar? Sítio da minha vó, em Friburgo.
Se apaixonar? Alto da Boa Vista.
Pegar uma praia? Praia Vermelha.
Se inspirar? Urca.
Ver o pôr do sol? Aterro do Flamengo.

Até a próxima!

Espero que tenham gostado desse lado cultural que eu amo tanto! Minha amiga Sabrina Serafim, que colaborou neste post, é a clássica carioca da clara. Com o pai gaúcho e a mãe baiana, é fruto da união de pessoas que se apaixonaram pelo Rio e escolheram a cidade como lar. Formada em Relações Públicas, hoje atua junto comigo como consultora em Marketing Digital na Boutique do Marketing Digital.

 

Beijos da Thata

Me siga nas redes sociais ;)

Instagram: @thailisemonteiro
Facebook: www.facebook.com/blogacaradorio
Twitter: @thailisecosinha
Youtube: www.youtube.com/user/acaradoriopontocom

Você pode gostar também